Cultura ameaçada: Fernando Filho traz prefeito privatizador para ajudar no seu “plano de governo”

O deputado Fernandinho Filho trouxe um reforço e tanto para tentar alavancar seu nome na disputa pela prefeitura de Petrolina. Trata-se do prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, que proferiu palestra na tarde de ontem (quinta-feira, 24 de maio) no SEST-SENAT. Ducci recebeu o cargo das mãos do ex-prefeito Beto Richa, o qual era vice até este assumir o governo do Paraná. A vinda do prefeito foi alardeada pelos seus correligionários, mas o momento político de Ducci foi, claro, devidamente abafado pelos empregados do deputado Fernandinho Filho.

Luciano Ducci, mesmo exercendo o mandato de prefeito, aparece em 4º lugar nas pesquisas em Curitiba, e acaba de lançar edital para privatizar espaços públicos da capital paranaense, como a Ópera de Arame, a Pedreira Paulo Leminski e o Parque Náutico, repassando para a iniciativa privada. Segundo o edital, as empresas que passarem a administrar os espaços terão a mamata de 25 anos para cobrar por ingressos e uso destes locais culturais e de lazer.

Com tamanha habilidade para privatizar, e agora dando palpite na campanha de FBC Filho, será que teremos o Bodódromo, a Concha Acústica e o Parque Municipal privatizados?

Blog do Banana

Deixe seu comentário