Desastre de Parente fez Petrobras perder R$ 137 bilhões em 11 dias

O desastre de Pedro Parente com a política de preços, que motivou a greve dos caminhoneiros que paralisou o País, fez a Petrobras perder R$ 137 bilhões em valor de mercado em 11 dias. Agora, a petroleira vale R$ 231 bilhões.

“Para se ter uma ideia de grandeza, o valor de mercado do banco Santander no Brasil é de aproximadamente R$ 133 bilhões”, disse à Folha Einar Rivero, da empresa de informações financeiras Economática.

Nessa sexta-feira, as ações da Petrobras despencaram quase 15% na Bolsa com o pedido de demissão de Pedro Parente. Em um dia, a empresa perdeu R$ 40,4 bilhões em valor de mercado.

Apesar de a Petrobras ter um peso de cerca de 12% do Ibovespa, índice que reúne as ações mais negociadas da Bolsa, o indicador conseguiu subir 0,63% nesta sexta, para 77.239,75 pontos, segurado pelo bom humor no exterior. (247)

Deixe seu comentário