Festa para gostos diversos: São João de Petrolina agrada todos os públicos

O São João do Vale em Petrolina tem atraído turistas e moradores da região para o Espaço Multieventos Ana das Carrancas. Para quem pensa que os festeiros estão apenas se divertindo com os shows nos palcos principais, engano. A estrutura do local de festas que possui 220 mil m² de área, com cidade cenográfica, praças, vilas temáticas, arena das quadrilhas, praça de alimentação, parque de diversões e o Museu do Forró é visitado por crianças, evangélicos e idosos em busca de diversão, cada um a sua maneira.

Junior de Melo trouxe a esposa, a sogra e três filhos. Por motivos religiosos, ele não frequenta a parte reservada para shows, mas nem por isso deixa de se divertir. “A gente veio para brincar com as crianças apenas”, afirmou. Para Junior é importante espaços reservados para a diversão familiar. “Aqui tem várias opções para passear com a família dentro de nossos padrões”, explicou.

Caso parecido é o de dona Mônica Nascimento que trouxe duas filhas e um sobrinho. “Trouxe eles para se divertirem”, declarou. Ela afirma se sentir tranquila em trazer as crianças para o pátio. “Acho a estrutura segura e deixo eles a vontade para brincar no parque”, revelou. O pequeno Everton, de 8 anos, reforçou a justificativa da mãe. “Eu gosto de brincar aqui nos carrinhos bate-bate e não tenho medo de me perder. Fui eu que pedi pra mamãe me trazer”, contou.

Já dona Ana Maria de Queiroz, de 68 anos, conta que veio a cidade para o casamento da filha e acabou não resistindo às festas de São João. “Minha filha já está casada e vamos, agora, curtir o São João de Petrolina”. Ela explica que gosta de lugares mais tranquilos e prefere ficar sentada com a família nos restaurantes, mas que não dispensa um forró a dois. “Dependendo da música que tocar eu vou pra pista com meu marido dançar. Eu gosto de lugar que tem muita gente, ficamos mais sentados mesmo, mas também vamos pro show”, frisou.

O período junino também reúne familiares que moram distantes, como é o caso de dona Maristela Santana. Ela mora em Algodões, no interior da Bahia, e veio para Petrolina com o marido, dois filhos, nora e um neto. “A gente veio ver meu genro que trabalha aqui. Vamos passar uma semana curtindo o São João e os momentos em família”, destacou.

Entre tantas opções de lazer e diversão, há também quem aproveite o friozinho do São João para encontrar um grande amor, como é o caso de Betânia Andrade. “Eu quero conhecer pessoas novas e tentar um novo relacionamento. Eu procuro nos barzinhos mais afastados porque é mais fácil conhecer alguém legal”, afirmou.

Secom Petrolina

Blog do Banana

Deixe seu comentário