Grupo histórico do PSB poderá trocar Paulo Câmara por Marília Arraes

Um grupo histórico de integrantes do PSB em Caetés, no Agreste de Pernambuco, poderá trocar Paulo Câmara, virtual candidato à reeleição a governador, pela vereadora Marília Arraes, do PT. Conhecido pelo grupo como a “neta de Arraes”, Marília poderá arregimentar o grupo que sempre caminhou com Miguel Arraes, Eduardo Campos e Paulo Câmara, para marchar junto com ela que é pré-candidata ao governo do estado.

O motivo que os ‘socialistas arraezistas’ teriam para deixar de apoiar o PSB, representado na disputa eleitoral desse ano pelo governador Paulo Câmara, teria sido uma agenda de Câmara onde ninguém do grupo foi convidado. O evento oficial foi realizado para Paulo anunciar a liberação de cerca de R$ 16 milhões para a construção de uma adutora na região.

O grupo histórico tem mais de 30 anos na sigla e ninguém se quer foi citado na solenidade, conforme um dos vereadores participantes. “Essa luta da água também é nossa e desde o tempo de Eduardo Campos”, disse um dos descontentes do grupo.

Em contrapartida, a vereadora Marilia Arraes se reuniu com o grupo neste domingo, 14, durante a posse do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Caetés. O encontro da petista com os socialistas históricos teria sido articulado pelo vereador de Garanhuns, também no agreste, Alcindo Correa, do PC do B. O ‘comunista’ vem articulando apoios para Marília na região. (Com Blog Wellington Feiras)

Deixe seu comentário