Indústrias investirão R$ 8 milhões em Petrolina

O Distrito Industrial (DI) de Pe­trolina ganhará, em breve, oito novas indústrias. As empre­sas Alberto da Luz, Minera­ção Costa Dourada, Imbravidros, Bagagi Viagens e Serviços, Bagagi Transportes, Tene­gás, Engear e Denise Meira Araú­jo investirão, juntas, R$ 8 mi­lhões, gerando mais de 300 empregos quando a produção estiver em operação máxima, prevista para 2014. “A aqui­sição das terras foi medi­ante licitação, que não tratava simplesmente de compra de terra. As indústrias vencedoras são obrigadas a construir a planta, inclusive com projeto de engenharia a ser en­tregue em três meses pós-as­sinatura de contrato e finali­zação da escri­tura, previstas pa­ra o fim do mês”, disse o presidente da Agência de Desen­vol­vi­men­­to Econômico de Per­nam­­buco (AD Diper), Márcio Ste­fanni. A es­­cri­tura obriga o iní­cio das obras em até seis meses.

Segundo ele, além da movimentação econômica e geração de postos de trabalho, outro ponto positivo foi o montante levantado com a venda dos terrenos disponíveis. “O DI de Petrolina é antigo e já possui indústrias operando. As áreas à disposição já eram demandadas por empresas de médio porte e isso nos permitiu vender com bons preços, já que o terreno, de aproximadamente 500 hectares, conta com toda infraestrutura básica necessária para novas operações”, detalhou.

O valor global dos lotes foi superior a R$ 2 milhões e, diferentemente do que ocorre com boa parte dos empreendimentos que chegam ao Estado, o Governo não vai “presentear” as empresas com a etapa da terraplanagem. O montante investido na compra do lote está fora do que será investido na implantação dos projetos.

A AD Diper é o órgão governamental detentor de áreas para fins industriais no DI e que efetivou licitação, na modalidade concorrência pública, que resultou na aquisição de nove lotes pelas oito indústrias, das quais sete são do próprio município e uma é do Recife. Os ramos de atividades das indústrias que adquiriram os lotes são: química, água envasada, vidro e mecâ­ni­ca (veja detalhes no quadro). Também há duas empre­sas de logística e uma central de distribuição. Outras qua­tro empresas começaram a participação do processo li­citatório, mas desistiram no de­correr das etapas. O resultado deve ser publicado hoje em jornais de grande circulação, divulgado pela Comissão Permanente de Licitação da AD Diper. O prazo para contestações vai até a próxima sexta-feira, quinto dia útil pós-publicação.

Fonte: Folha-PE

Blog do Banana

Deixe seu comentário