Na Globonews, especialista em segurança bate duro no decreto de Temer

A professora da Universidade Federal Fluminense (UFF) Jaqueline Muniz, especialista em Segurança Pública, criticou duramente, na GloboNews, o decreto que prevê a intervenção federal na segurança pública do estado do Rio de Janeiro.

“Temos assistido é a substituição do feijão com arroz, o dia-a-adia dos policiamentos, por operações policiais, pela teatralidade operacional, que tem rendimento político, eleitoral, mas pouco efeito no cotidiano”, disse ela.

De acordo coma  estudiosa, “se é para combater o crime organizado, não será este efeito espanta barata, com o sobe e desce dos morros”. “A impressão é a de que o comando militar chegou ao Rio para passar o Carnaval, gostou e resolveu governar”, acrescentou ela. “Tem uma articulação política por trás”.

Segundo a especialista, não existe crime organizado sem conivência com setores do governo. “É através do dinheiro do crime que se faz caixa 2 de campanha e que crime é esse: mercadorias ilegais, que vai da banda larga às drogas”. (247)

Deixe seu comentário