Prefeitura de Cabrobó promove justiça social e envia PL promovendo correções salariais dos servidores

O prefeito Marcílio Cavalcanti assinou na tarde desta terça-feira (23), 31 estabilidades para professoras da rede pública municipal que tinham direito a estabilidade no serviço público. A ação proporcionou um implemento salarial superior a R$ 21.000,00 para estas servidoras.

Esse é um pleito antigo atendido pelo prefeito que declarou, “os ajustes salariais foram compromisso de campanha e a prefeitura não deixará de lado essa importante causa dos servidores. Mesmo em tempos de dificuldade financeira o município de Cabrobó não tem se retraído mediante a crise e enfrenta os problemas com firmeza”.

Ainda segundo Marcílio, a prefeitura já teria promovido correções nos valores pagos aos minicontratos na educação, ofertando um aumento de 100% dos valores pagos. Também foi instituída uma bonificação aos profissionais da saúde, além de ter reduzido a carga horária dos enfermeiros para 30h.

Outra boa notícia para o servidor é que no dia 10 de janeiro foi encaminhado o Projeto de Lei – PL – nº 002/2018 para Câmara de Vereadores de Cabrobó promovendo correções em salários de servidores que recebiam menos do que um salário mínimo.

A Constituição Federal prevê como remuneração básica aos trabalhadores o salário mínimo e em Cabrobó vários servidores trabalhavam com um teto remuneratório inferior ao salário mínimo. Para o prefeito essa é uma situação inaceitável dentro da administração pública, “mesmo diante de dificuldades a Prefeitura irá promover justiça social corrigindo essas questões salariais”, afirmou.

Todas as estabilidades serão publicadas no Diário Oficial do Município estando disponíveis para consulta no site da prefeitura.

Ascom

Deixe seu comentário