Presidente do STTAR deverá mobilizar trabalhadores assalariados em assembleia coletiva ainda na segunda quinzena de janeiro

A nova presidenta do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados de Petrolina, Lucilene Santos (Leninha), está se mobilizando com a nova diretoria para organizar a próxima assembleia geral da categoria, com objetivo de aprovar a pauta de reivindicações para o próximo acordo coletivo. Segundo Leninha, o fato de não ter tido quórum no último dia 24 de dezembro foi devido à data fazer alusão às comemorações natalinas, o que dificultou a participação dos trabalhadores.

“Eu fazia parte da direção anterior, e fomos ao campo mobilizar os trabalhadores, e em toda fazenda que a gente chegava, os trabalhadores reclamavam que era data de Natal e todos queriam estar com suas famílias falando que a data era muito ruim. Outro ponto é que o presidente Chicô não discutiu com a nova diretoria o que poderia ter ficado para uma nova data” esclareceu.

Leninha questionou que por causa da ansiedade de Chicô, que está saindo, não observou os pontos negativos. “Sempre com nossa responsabilidade, estamos fazendo uma reunião hoje (02) no final da tarde para definir com a nova direção o que deve ser feito e até final do mês e vamos sim mobilizar de novo nossos trabalhadores a realizar a assembleia coletiva”, finalizou.

Leninha está consciente de que esse ano não será uma negociação fácil, mas que na nova assembleia a entidade deverá colocar o número de trabalhadores esperados.

Deixe seu comentário