Sebastião irá articular criação de associação nas áreas irrigadas do Projeto Maria Tereza para reivindicar melhorias

Indignado com a falta de ação do Distrito de Irrigação, entidade responsável pela manutenção das áreas irrigadas do Projeto Senador Nilo Coelho e Maria Tereza, o líder comunitário Sebastião Suada, como é conhecido na região, procurou a nossa reportagem para informar que está se articulando com os agricultores das áreas irrigadas para implantar ou reativar uma nova associação de moradores. O objetivo é para melhor atender as famílias dos colonos que vivem e ajudam no crescimento da agricultura irrigada no Vale do São Francisco, pois o Distrito de Irrigação não está correspondendo com as expectativas dos produtores. “A criação da nova associação terá como objetivo cobrar ações para nossa comunidade, já que estamos abandonados e esquecidos pelo poder público, pelos deputados da região e também pelo próprio distrito que pagamos para ele trabalhar e melhorar da vida  do povo na área irrigada: o que não vem acontecendo”, comentou.

Para Sebastião, o processo de criação para implantação da nova diretoria da associação já está bem avançado, já podendo ter eleição neste mês de junho. “Nós vamos cobrar dos nossos políticos e da Codevasf as coisas boas para nosso projeto. Não temos água tratada e nem o suficiente para o consumo humano. Até uma simples operação tapa buracos vem se arrastando há mais de dois meses. Nossos deputados não merecem nenhum tipo de nota sobre as suas ações”, finalizou.

Deixe seu comentário