17,3 milhões de jovens estão em situação de pobreza

17,3 milhões de jovens vivem em situação domiciliar de pobreza, segundo a Fundação Abrin. Isso representa mais de 40% da população nessa faixa etária. Os dados estão na publicação “Cenário da Infância e da Adolescência no Brasil”, a ser divulgado amanhã. O estudo lida tecnicamente com os indicadores sociais subscritos nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (Organização das Nações Unidas).

“Algumas metas [dos ODS] certamente o Brasil não vai conseguir cumprir, a menos que invista mais em políticas públicas voltadas para populações mais vulneráveis. Sem investimento, fica muito difícil cumprir esse acordo”, avaliou Heloisa Oliveira, administradora executiva da Fundação Abrinq. “Se não houver um investimento maciço em políticas sociais básicas voltadas à infância, ficamos muito distantes de cumprir o acordo”.

Leia mais aqui. (247)

Deixe seu comentário