Com 6 mortes e 135 pessoas infectadas por coronavírus, Miguel comemora esvaziamento de hospital de campanha, mas não fala em isolamento total em Petrolina

Diferentes de algumas cidades brasileiras que decretaram o isolamento total ao perceberem o aumento do número de pessoas acometidas pela Covid-19, Petrolina – PE, ainda continua na contramão do combate à doença que junto com a dengue pode ceifar novas vidas na Terra dos Impossíveis.

Em meio aos efeitos negativos da disseminação da doença na cidade sertaneja e sem a perspectiva para a implantação do Lockdown (isolamento total) no município, para evitar novos casos de coronavírus, o prefeito Miguel Coelho (MDB-PE) encontrou um motivo para comemorar, é que o novo hospital de campanha continua sem receber pacientes:

“Só existe uma coisa melhor que ver nosso hospital de campanha pronto: é vê-lo vazio. Os 100 leitos que montamos no espaço cedido pela Igreja Católica estão aptos a receber pacientes”, comemorou.

Deixe seu comentário