Lagoa do Alegre reabre festejos pós pandemia em Casa Nova

Lagoa do Alegre, a quase 100 quilômetros da sede de Casa Nova, reabriu em grande estilo os festejos de padroeiros, comuns em todos os distritos e comunidades do interior deste município no Norte da Bahia.

A festa dedicada a Nossa Senhora de Fátima, com encerramento da novena e missa festiva no dia 12 e festa no largo 12 e 13, é uma das mais antigas do município, reunindo moradores de toda a região e é sempre a oportunidade de voltar à terra natal para milhares de alegrenses que buscaram melhorias fora.

A permanente sensação de insegurança gerada pela pandemia e um exemplo de obediência às normas de prevenção, afastaram visitantes, suspendeu-se a novena e a festa.  Lagoa do Alegre se manteve alerta e passou pelo pior da guerra com poucas baixas. Estava na garganta o grito de alegria preso, a incontornável vontade de rever parentes, abraçar amigos, confraternizar na praça, rezar e cantar na missa.

O momento chegou. Nesta quinta-feira (12/05) a comunidade inteira se vestiu com as cores mais bonitas, as casas abertas, comida farta  e a  imensa alegria contida por dois anos se soltou e transformou Lagoa do Alegre inteira em uma festa.

Presente, como em todos os anos, o Prefeito Wilker Torres (PSB), exteriorizou sua alegria e gratidão nas redes sociais nesta sexta-feira (12/05): “Vi nos olhos das pessoas, no abraço apertado e nos sorrisos, que acertamos e vencemos a guerra.  O Povo da Lagoa do Alegre é forte, valente e alegre. O Povo de Casa Nova é forte, valente e alegre. Agradeço a Deus todos os dias por ter a honra e o orgulho de conduzir nossa gente nestes tempos difíceis. Agradeço a todos, pelo carinho, pela confiança e por dividir essa alegria! Obrigado Lagoa do Alegre!!!!”

Participaram da festa o Deputado Tum, pré-candidato a deputado federal; o ex-prefeito de Juazeiro e pré-candidato a Deputado Estadual, Isaac Carvalho; os vereadores de Casa Nova, Secretários e milhares de pessoas.

A festa que se estendeu até a manhã foi animada por Rodrigão, Amado Basylio, Sandrinho do Acordeom e Paloma Nunes.

Manoel Leão
ASCOM PMCN
Deixe seu comentário