Marquinhos do N4 faz balanço de sua legislatura e reassume o compromisso com os petrolinenses

O trabalho continua e não pode parar. Avisa o vereador e líder da Bancada de Oposição de Petrolina, Marquinhos do N4, ao fazer um balanço das atividades legislativas do primeiro semestre deste ano.

Em 2022, foram apresentados pelo vereador, 65 Indicações, 38 Requerimentos e quatro Projetos de Lei, entre eles, o vereador Marquinhos do N4 pede curso pré-vestibular gratuito para estudantes de escolas públicas de Petrolina.

A proposta do vereador foi aprovada no mês de maio, com 15 votos dos vereadores presentes na sessão e seguiu para o Prefeito de Petrolina, Simão Durando. Tem como princípio, a gratuidade do ensino, a igualdade de condições, a liberdade de aprender e ensinar, e a garantia de qualidade de ensino.

De acordo com Marquinhos do N4, além de projetos que promovem obras de infraestrutura, conforto, segurança, atendimento à saúde, o município precisa incluir projetos de incentivo à educação para estudantes de escolas públicas que desejam ingressar na Universidade e não têm condições de custear um curso preparatório após conclusão do ensino médio.

Marquinhos do N4 avisa que o recesso parlamentar deste período não vai atrapalhar suas atividades legislativas e que continuará atento às necessidades da população petrolinense e os trabalhos extra sessões ordinárias. “Nosso trabalho não se limita aos debates e proposições durante sessões ordinárias na Casa Plínio Amorim, mas inclui o dia a dia com a população, especialmente das áreas irrigadas, para amplo debate do que é importante para a garantia dos direitos do cidadãos em todas as áreas do município”, explica o vereador.

Em 2021, no seu primeiro ano de mandato, Marquinhos do N4 apresentou 38 Requerimentos, 112 Indicações, teve um Decreto Legislativo aprovado, dois Projetos de Lei aprovados, dois Projetos de Lei arquivados, e cinco Projetos de Lei em tramitação na Casa Plínio Amorim. “Período de legislatura bastante produtivo e reassumimos o compromisso de continuar lutando pelo povo de Petrolina em 2022”.

Mônia Ramos – Jornalista

Ascom Marquinhos do N4

Deixe seu comentário