Caixa Econômica Federal tira dúvidas de candidatos a concurso público

A Caixa Econômica Federal divulgou uma lista de perguntas e respostas para quem pretende concorrer a uma vaga no concurso público que foi aberto esta semana. Há oportunidades para quem tem nível médio e superior completos e os salários oferecidos chegam a R$ 7.734.

Uma prova objetiva será aplicada a todos os candidatos de nível médio de escolaridade no dia 15 de abril. No dia 22 do mesmo mês, concorrentes de nível superior farão uma prova objetiva. Eles também farão provas discursivas e passarão por avaliação de títulos.

Interessados devem se cadastrar no site da Fundação Cesgranrio, que organiza a prova, e pagar taxa de participação que varia de R$ 37 a R$ 73. O prazo se encerra no dia 13 de março.

Veja, abaixo, o tira-dúvidas divulgado pela Caixa Econômica Federal

1) Quantas vagas os novos concursos vão abrir?

Os concursos públicos da Caixa Econômica Federal destinam-se à formação de cadastro de reserva, conforme publicado nos editais, para os cargos efetivos de nível médio (técnico bancário novo) e de nível superior (advogados, engenheiros e arquitetos).

2) Já existe a previsão de quais Estados vão ter candidatos contratados e quantos por Estado?

Como os concursos se destinam à formação de cadastro de reserva, a convocação dos candidatos aprovados se dá conforme a disponibilização de vagas, resultantes da reposição de empregados desligados, abertura de novas agências e outras necessidades estratégicas da Caixa.

3) Quando será realizada a convocação dos candidatos?

Se dará de acordo com as necessidades estratégicas da empresa, para reposição de empregados desligados, abertura de novas agências e outras demandas estratégicas da Caixa, durante a vigência dos concursos.

4) Ainda há concursos em validade, até junho de 2012. As admissões dos candidatos classificados estão asseguradas?

Conforme o item 1.3.3, do Edital nº 1/2012/NM – de 16 de fevereiro de 2012, ficam asseguradas as admissões, conforme necessidade de provimento, dos candidatos classificados nos concursos públicos de 2010 para o cargo de técnico bancário novo e cargos profissionais até o término de suas vigências ou até o esgotamento do cadastro de reserva no polo/macropolo de opção, prevalecendo o que ocorrer primeiro.

Assim, as datas de validade dos referidos concursos são:

Técnico Bancário Novo RJ e SP: Prazo de validade inicial 13/06/2011 – Prorrogação até 13/06/2012;

Técnico Bancário Novo Nacional (exceto RJ e SP): Prazo de validade inicial 28/06/2010 – Prorrogação até 28/06/2012;

Profissionais – Advogado, Arquiteto e Engenheiro: Prazo de validade inicial 29/06/2011 – Prorrogação até 29/06/2012.

5) Quais são os salários e as jornadas de trabalho para os cargos de nível médio e nível superior?

Conforme os editais, o salário inicial da carreira profissional – nível superior – com jornada de oito horas diárias – advogado, arquiteto e engenheiro – é de R$ 7.734,00. Já, a remuneração inicial do técnico bancário novo – nível médio – com jornada de seis horas diárias é de R$ 1.744.

6) Que outras vantagens a Caixa oferece aos empregados?

As políticas e ações voltadas ao empregado da Caixa visam à promoção de um ambiente equânime no trabalho, clima organizacional favorável e à incorporação da prática da responsabilidade social empresarial em toda a organização, com iniciativas de promoção de igualdade de condições e oportunidades; combate ao preconceito e à discriminação, capacitação continuada, reconhecimento e valorização de seus empregados e prevenção e promoção da saúde. Os benefícios oferecidos pela Caixa, aos empregados e seus dependentes, vão além dos previstos na legislação e alcançam quatro dimensões: a econômica, a social, a de saúde e a de proteção ao trabalho.

Como exemplos desses benefícios, a Caixa oferece Participação nos Lucros e nos Resultados (PLR), nos termos da legislação pertinente e do acordo coletivo vigente; participação em Plano de Saúde de Autogestão, o Saúde Caixa, em Plano de Previdência Complementar e auxílio cesta/alimentação – conforme o Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT). O Auxílio-Alimentação/Refeição e o Auxílio Cesta-Alimentação correspondem, respectivamente, a R$ 435,16 e R$ 339,08.

7) Para quem trabalha na Caixa, há possibilidade de ascensão profissional dentro do banco? Isso se dá de que forma?

Sim. De duas formas: ascensão no cargo efetivo (plano de cargos e salários) e acesso às funções gratificadas (plano de funções gratificadas).

Ao ser admitido, o empregado passa a ocupar o cargo efetivo, de caráter permanente, para o qual prestou o concurso, que pode ser da carreira administrativa: técnico bancário novo (tbn) – referências salariais 201 a 248 – ou da carreira profissional (advogado, arquiteto, engenheiro) – referências salariais 801 a 836. O empregado pode ascender no cargo efetivo, alcançando novas referências, por duas formas: por antiguidade, a cada dois anos de efetivo exercício na Caixa, e por promoção por mérito, realizada anualmente com a participação de todos os empregados.

O acesso às funções gratificadas é por meio de PSI (Processo Seletivo Interno), um instrumento que possibilita ao empregado uma trajetória profissional de sucesso. Por ele, a Caixa avança no reconhecimento e na valorização de seus empregados, e investe em seu desenvolvimento humano e profissional.

A ampla utilização dos PSIs, como forma de provimento das funções gratificadas na Caixa – e a confiança dos empregados nesse sistema de seleção – democratiza as oportunidades oferecidas, reconhece e valoriza os empregados e favorece a gestão do conhecimento, além de permitir a equidade de gênero e o alcance dos desafios estratégicos da Caixa.

Em 2011, foram realizados 8.657 PSIs, com a oferta de 9.882 vagas, 157.159 inscrições e a seleção de 9.777 empregados para ocupar funções gratificadas na Caixa.

8) Qual a validade do novo concurso?

O concurso público da Caixa terá prazo de validade de um ano, prorrogável por igual período, a critério da Caixa.

Fonte: R7

Blog do Banana

Deixe seu comentário