Encontro de Blatter com Dilma deve dar fim à tensão entre Brasil e Fifa

Na manhã desta sexta-feira (16), duas semanas após o início do desentendimento entre a Fifa e o governo brasileiro, a presidente Dilma Rousseff receberá em seu gabinete, em Brasília, o presidente da federação esportiva, Joseph Blatter. Participam da reunião também o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e o ex-jogador de futebol e embaixador honorário do Brasil para a Copa de 2014, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé. A participação do novo comandante da CBF, José Maria Marin, está prevista, mas não foi confirmada.

O encontro foi solicitado por Blatter, em carta enviada no último dia 6 em que pedia desculpas ao País pela situação criada após o comentário do secretário-geral, Jérome Valcke. No dia 2 deste mês, em entrevista a jornalistas na Inglaterra, Valcke demonstrou irritação com a demora na execução de obras para a Copa no Brasil e disse que o governo merecia levar um “pontapé no traseiro”.

A frase incomodou o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, que solicitou formalmente ao presidente da Fifa que o secretário fosse afastado das negociações com o Brasil. Valcke também pediu desculpas e disse ter sido mal interpretado. Por precaução, a própria Fifa suspendeu a visita que o secretário faria às cidades-sede brasileiras nesta semana, pelo menos até que as relações da entidade com o governo Dilma estivessem normalizadas.

Fonte: R7

Blog do Banana

 

 

Deixe seu comentário