João Lyra Neto elogia presidente Dilma em discurso em Suape

imagemO governador de Pernambuco, João Lyra Neto – que assumiu o posto com a renúncia de Eduardo Campos, pré-candidato à Presidência – não poupou elogios à presidente Dilma Rousseff durante o evento que marcou a viagem inaugural do navio Dragão do Mar, nesta segunda-feira (14), no Estaleiro Atlântico Sul, no Porto de Suape, Litoral Sul do estado. A cerimônia contava ainda com um grande número de deputados do PT e aliados e com o pré-candidato ao governo do estado Armando Monteiro Neto (PTB).

“Como governador do estado, em nome do povo pernambucano, quero agradecer o empenho da senhora como ministra, o do presidente Lula e o empenho da senhora como presidente da República. Sempre recebemos a senhora com muito prazer, muita honra, muita alegria. Que a senhora continue essa trajetória de investimento durante o seu governo para que possamos ter mais empregos, mais indústria e acima de tudo melhor qualidade de vida para todos os brasileiros”, afirmou Lyra, que é do PSB, presidido por Campos.

Durante o discurso, o atual governador citou inciativas estaduais, como os investimentos no Porto de Suape e a decisão de preservar quase 60% da vegetação do distrito industrial, mas sem citar o nome do antecessor, Eduardo Campos. Lyra acompanhou a presidente durante a visita ao navio, mas ficava frequentemente mais para trás, deslocado do grupo.

Visita presidencial

A presidente chegou perto das 11h, acompanhada da presidente da Petrobras, Graça Foster, do presidente da Transpetro, Sérgio Machado, além de políticos locais, como o deputado federal João Paulo, pré-candidato do PT-PE ao Senado, e de Armando Monteiro.

A visita da presidente a Pernambuco ocorre menos de duas semanas após Eduardo Campos entregar carta de renúncia ao governo do estado. O ex-governador Eduardo Campos e a ex-senadora Marina Silva formalizam nesta segunda, em Brasília, a chapa presidencial do PSB ao Planalto.

A entrega do navio acontece no momento em que denúncias envolvendo obras em Suape e na construção da refinaria Abreu e Lima, da Petrobras, situada no complexo portuário, estão no centro dos pedidos de instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) no Congresso. A presidente fez questão de defender a petroleira em seu discurso. “Como presidenta, mas sobretudo como brasileira, eu defenderei em quaisquer circunstâncias, eu defenderei a Petrobrás. […] Não ouvirei calada a campanha negativa aqueles que, por proveito político, não hesitam em ferir a imagem desta empresa que nosso provo construiu com tanto suor e lágrimas”, disse a presidente.

Navios

Após abastecer com petróleo cru na Bacia de Campos, o Dragão do Mar segue para o Terminal Aquaviário de São Francisco do Sul, em Santa Catarina. Com capacidade para transportar um milhão de barris de petróleo, o navio é do tipo Suezmax, ou seja, tem as dimensões máximas para passar pelo canal de Suez. Com 274,2 metros de comprimento e 48 metros de largura, a embarcação consumiu 24,5 mil toneladas de aço e contou com aproximadamente 2,5 mil pessoas trabalhando em sua construção.

Também nesta segunda, foi batizado o quarto Suezmax do EAS, ainda em fase ajustes, o navio Henrique Dias, em alusão a um dos heróis negros pernambucanos da luta contra os holandeses na Batalha dos Guararapes. O navio está no cais de acabamento e passa por trabalhos de pintura, interligações de sistemas, primeiros testes antes de seguir para os testes de mar. (G1)

Blog do Banana

Deixe seu comentário