Mendonça Filho cogita apoio à candidatura de Armando

imageO deputado federal Mendonça Filho (DEM) afirmou na manhã desta sexta-feira (24) que a gestão do Partido dos Trabalhadores está ‘desgastada’ e que o país precisa de mudanças para ingressar nos grupos dos desenvolvidos. A declaração surge após o democrata ser questionado sobre seu posicionamento quanto aos principais programas desenvolvidos pela gestão petista à frente do Governo Federal.

‘O PT tem 12 anos de poder e segue a disputa do Brasil para o lado eleitoral. A saúde não vai se resolver com a contratação de médicos cubanos, temos que passar pela saúde em sua estrutura completa, contratar professores de medicina para as faculdades e capacitar nossos profissionais’, disse o parlamentar em referência ao Mais Médicos, uma das principais bandeiras a ser explorada pela equipe que coordena a campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT).

Em relação ao Democratas, o deputado – e presidente estadual da legenda – disse que vai usar o mês de fevereiro para decidir o futuro da legenda. ‘Não é tempo para decisão, mas para iniciar a discussão”, afirmou Mendonça, para, em seguida, analisar a pré-candidatura do senador Armando Monteiro (PTB) ao Palácio do Campo das Princesas.

“O senador Armando Monteiro é um homem sério, íntegro e comprometido com interesse público. Ele tem as qualidades de um bom político, mas está se alargando no campo com o PT, que sempre teve uma posição contrária a nossa’.

A nível nacional, o deputado disse que a tendência do Democratas é apoiar a candidatura do senador mineiro Aécio Neves (PSDB). ‘Meu espaço político em Brasília, por coerência ao eleitor, é contrária ao PT. Dilma passa uma ideia de ultrapassagem e tem que haver uma mudança na democracia do país. Eduardo Campos (PSB) se coloca como uma opção para isso, mas o Democratas deve apoiar Aécio Neves, que também se coloca como um novo caminho’. (Com informações do Diario de Pernambuco).

 Blog do Banana

Deixe seu comentário