Mercadante: MEC não tem culpa de o Brasil ser tão grande

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, saiu em defesa do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), programa que é alvo de críticas por causa das irregularidades ocorridas nos últimos anos. Ele participou, nesta quarta-feira (29), de audiência na Comissão de Educação e Cultura do Senado.

– O MEC não tem culpa de o Brasil ser tão grande e tão diverso.

Mercadante afirmou que, para tocar o programa, é necessário um “desafio logístico”. O ministro citou que, para realizar a prova para os 5,4 milhões de inscritos de 2011, são necessárias 400 mil pessoas trabalhando e a utilização de 140 mil salas de aula. Tudo isso tem que ser feito, frisou ele, “em absoluto sigilo”. O ministro destacou que o programa tem dado a oportunidade de estudantes pobres estudarem em universidades de ponta.

Fonte :r7.com

Blog do Banana

Deixe seu comentário