O VENDEDOR DE SONHOS (O MEL, A FLOR OU O FERRÃO)

O tão sonhado Teatro de Petrolina, que era para ser construído na gestão do ex-prefeito de Petrolina Fernando Bezerra Coelho (obra prometida e não cumprida), se encontra dessa forma: Cadê o dinheiro? Cadê a Construtora que iniciou o buraco? Hoje, isso provoca uma condição de desconforto aos pacientes do Hospital de Traumas que são obrigados a receber picadas de muriçocas.

Temos que ajustar nossas memórias pensando no melhor para Petrolina, não sendo bajulador, ou  seja, apenas um autêntico e fiel puxa saco.

Será que nós podemos permitir que essa situação continue? Temos que ser fiel aos bons princípios. Há vários problemas deixados por gestões anteriores que a câmara de Petrolina não chama pra o debate. Enquanto isso, nosso dinheiro está indo pelo ralo.

 

            

Texto: Ricardo Banana

Blog do Banana

Deixe seu comentário