Prefeitura realiza seminário para integrar participantes do Projovem Adolescente de Petrolina

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest), através da Superintendência Municipal de Juventude, realizou nesta quarta-feira (15) o seminário ‘Sou Jovem, sou cidadão, sou Projovem’, no auditório do Sest-Senat. O evento foi voltado para os 650 jovens que participam do Projovem Adolescente e teve como objetivo a socialização e discussão de temáticas trabalhadas no programa.

De acordo com o Superintendente da Juventude, Robson Rocha, este momento possibilita a integração de todos os jovens participantes do programa. “O seminário reúne todos os jovens para discutir novas temáticas e pensar uma nova roupagem para o projeto neste ano. Além disso, eles podem trabalhar a questão da cidadania, dos jovens inseridos no contexto social enquanto agentes envolvidos numa sociedade”, disse.

Como forma de tornar a filosofia uma prática na vida dos jovens, foi discutida a temática ‘Filosofia, juventude e valores para a vida’. O tema foi apresentado pela diretora do curso Nova Acrópole de Petrolina, Ingrid Mariath, que considera os estudos da filosofia uma forma de o ser humano entender seu papel no mundo e, portanto, proporciona aos jovens refletir enquanto protagonistas da sua vida e não somente expectadores. Érica Larissa de Souza, de 16 anos, aprovou as discussões e assegurou que irá aproveitar o que foi apresentado no seu cotidiano. “Eu espero que eu cresça mais intelectualmente e possa levar o que aprendi aqui para a minha família”, disse a jovem atuante do Projovem do bairro João de Deus.

O seminário aconteceu durante todo o dia e teve em sua programação palestras e apresentações culturais. “A partir do momento em que promovemos esse espaço de discussão com a participação dos jovens, estamos contribuindo para a construção do saber. Buscamos estar cada vez mais próximos dos jovens através dos programas sociais que têm contribuído muito para a mudança de comportamento dos jovens, oferecendo mais qualidade de vida para eles e, consequentemente, para suas famílias”, declarou a secretária de Desenvolvimento Social e Trabalho, Tereza Virgínia de Carvalho.

Fonte: Ascom PMP

Blog do Banana

Deixe seu comentário