Representantes da Etiópia visitam Embrapa Semiárido

Comitiva composta por autoridades e pesquisadores da Etiópia, país localizado na África, visitaram a Embrapa Semiárido de Petrolina, para conhecer de perto as atividades desenvolvidas pela instituição no ramo agrícola. A visita teve como finalidade a avaliação do potencial de utilização das tecnologias desenvolvidas pela Embrapa, direcionadas para a agricultura, no país africano. Durante a passagem por Petrolina o Embaixador Wuletaw Hailemariam disse que a Etiópia tem muito que aprender com o Brasil, que é um país líder em tecnologia na agricultura em regiões quentes. Segundo o Embaixador, a procura de experiência na agricultura do Brasil se deve a semelhança entre o clima dos dois países.

Diretor-Geral do Instituto Etiópe de Pesquisa Agrícola (EIAR), Solomon Assefa ressalta que a agricultura representa 45% do Produto Interno Bruto (PIB) da Etiópia, corresponde a 90% das exportações do país e emprega quase 80% dos 80 milhões de habitantes. Depois de conhecer todas as tecnologias existentes no semiárido, que podem ser aplicadas na Etiópia, a EIAR está traçando um memorando de entendimento com a Embrapa.

Na última sexta-feira (09) uma comitiva brasileira formada por representantes do Ministério das Relações Exteriores, Embrapa e Agência Brasileira de Cooperação, viajaram para a Etiópia com objetivo de firmar um contrato de cooperação técnica entre as duas nações. A visita segue até o dia 18 com a participação do pesquisador da Embrapa Semiárido, Luis Henrique Bassoi.

Fonte: Blog do Alvinho

Blog do Banana

Deixe seu comentário