Um grande gesto de sensibilidade

imagemAs fortes chuvas ocorridas recentemente entre as cidades de Petrolina e Juazeiro trouxeram grandes prejuízos às pessoas. Principalmente nos bairros periféricos, onde a dificuldade de escoamento das águas é praticamente inviável. A situação se agrava ainda mais devido às invasões, porque os moradores constroem suas casas sem levar em conta o mínimo de segurança estrutural. O volume de água até o momento causou pânico e desespero de muitas famílias. Além disso, já se contabilizam perdas de móveis, perigos de desabamentos e carências de víveres alimentícios. Foi nesse momento de pesar e dor, que entrou o sentimento apartidário. A primeira dama do município reuniu forças humanas e caiu em campo na tentativa de amenizar a situação. Ela presenciou o choro e as lágrimas de quem perdeu tudo, viu o rosto infantil daquelas crianças e o sofrimento em cada semblante. Encontrou um forte aliado, o comunicador Edenevaldo Alves, numa ação conjunta de solidariedade encabeçaram uma campanha em favor das vítimas. Esse gesto foi tão notório que me inspirou a escrever esse artigo notícia, mostrando que o sentimento humano é muito maior que o sentimento político. Nesse momento veio à tona o patriotismo dos americanos, que em tempo de guerra governo e oposição se unem para defender o seu país. Mas, o Edenevaldo Alves, o comunicador de todas às manhãs, da Petrolina FM, estava com toda a sua equipe na Praça Maria Auxiliadora somente com o propósito de ajudar a sua terra natal, querer o bem-estar da sua gente, se solidarizar e fazer a sua parte e, no papel de pai pensou em seus filhos. Ele também saiu dos estúdios da rádio e foi vê de perto os alagamentos, ficou tremendamente chocado com o que presenciou. Tenho plena certeza que o mesmo será criticado por estar nessa parceria com a Prefeitura Municipal de Petrolina. O amor não tem cor, não tem uma bandeira específica, o verde, amarelo, azul e vermelho forma uma só corrente humanitária. A política partidária tem o seu momento, o objetivo circunstancial é socorrer o povo, levar agasalho, abrigo, colchão e pão. Sendo assim, o comunicador, a primeira dama do município, Andréia Lóssio, Secretários, funcionários da Prefeitura, Defesa Civil e toda a sociedade de Petrolina se deram às mãos num gesto de carinho e grandeza em prol daqueles que estão precisando de ajuda emergencialmente.

Blog do Banana

Deixe seu comentário