Cúpula da UNIVASF ignora greve dos professores e colabora com PSB

Enquanto os alunos da UNIVASF tem que enfrentar uma greve de professores, que lutam para recompor perdas salariais que podem chegar a 40%, a cupula da UNIVASF parece estar mais preocupada com o resultados das eleições municipais de Petrolina. As salas da UNIVASF, que deveriam estar cheias de alunos buscando seu futuro, serviram, no último dia 27, para fazer reuniões do PSB, que deseja lançar a candidatura do deputado Fernando Bezerra Coelho Filho para prefeito de Petrolina. Esse engajamento da direção da UNIVASF não deverá agradar muito ao Ministro da Educação Aloísio Mercadante (PT), primeiro porque o seu partido também tem candidato para as eleições municipais de petrolina neste ano e, segundo, não deve estar vendo com bons olhos os campos Universitários transformados em palcos eleitorais, em pleno período letivo.

Blog do Banana

Deixe seu comentário