Mais uma rodovia estadual com mato invadindo a pista: desta vez o perigo é constante na PE 122 entre Lagoa Grande e o Distrito de Jutaí

imageNa semana passada, moradores dos núcleos irrigados N5 e C-2, realizaram um protesto na antiga BR-235 que liga Petrolina á Casa Nova-BA, denunciando as más condições da estrada que agora está sob os cuidados do Governo de Pernambuco através do DER – Departamento Estadual de Estradas e Rodagens. Entre outros problemas, a população dos núcleos localizados no Perímetro Irrigado Nilo Coelho, apontou buracos e mato invadindo a pista e que mortes vêm ocorrendo devido à falta de manutenção da PE. Mas essa situação não é só ‘privilegio’ do povo que reside ás margens da ex BR-235, entre o município de Lagoa Grande/PE e o distrito de Jutaí, motoristas vivem o mesmo transtorno.

No caso a estrada em questão é a PE-122 que já foi rodovia federal também. O trecho citado praticamente não possui mais acostamento. O mato já está bem alto e nem sinal de serviços para amenizar a situação. A última ação para facilitar quem tem que passar pela PE-122, aconteceu há mais de três anos, um pedido feito ainda na última gestão ao DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), já que o DER não tomou nenhuma providência na época.

Os motoristas que vivem e passam por essas estradas da região do vale do São Francisco cobram pelo menos o roço nos acostamentos, e que mais atenção seja dada a trechos tão importantes para o desenvolvimento local e do estado para se evitar mais acidentes e mais transtornos ao povo dessas localidades. (Redação com informações do Blog Lagoa Grande Notícia, Vinicius de Sanatna)

Blog do Banana

Deixe seu comentário