O Jacaré está uma fera, e põe a culpa nos prefeitos de Juazeiro e Petrolina

O ciclista e fotojornalista Ivan Cruz, conhecido como Jacaré, está já para morder os gestores municipais de Juazeiro e Petrolina. Tudo por causa do descaso do poder público com as pessoas que utilizam bicicletas para trafegar pelas ruas e avenidas das ditas joias do São Francisco, alega Ivan.

” De que adianta falar de ecologia, meio ambiente, se  a pessoa sai de casa com sua bicicleta e ninguém respeita? Se é o  ônibus quer passar por cima, se o cidadão chega para pagar um IPTU numa prefeitura, não tem lugar para guardar seu meio de transporte”, desabafa Ivan,  considerado  por várias vezes seguidas o melhor fotojornalista da região.

Para o ciclista,  um dos maiores problemas é a falta de fiscalização em bairros mais afastados da orla. “Aqui em Petrolina se você anda no centro, ainda tem os funcionários da empresa responsável por fiscalizar. Mas se você vai para Areia Branca, Avenida da Integração, não há respeito nenhum. Se um veículo precisa ultrapassar um ciclista, a um metro e meio de distância ele tem que sinalizar, é lei! Mas o que acontece é  que quando chega perto de você, os caras começam buzinar, e  a gente se revolta e diz  para passar por cima”.

Atento, Jacaré lembra que também é preciso cuidado por parte de alguns ciclistas, e cita casos que acontecem na ponte Presidente Dutra. ” Tem uns malucos que cruzam de um lado a outro da pista, para entrar ou sair da ilha do fogo. Isso também está errado”, revela.

Complicado Não precisa ser especialista em trânsito para perceber que, se nada for feito, transitar de carro  por Juazeiro e Petrolina ficará cada vez mais complicado. Há, nas duas cidades, locais de engarrafamento considerável, no horário de pico. Basta lembra que se em Petrolina no ano 2000 circulavam 29.448, hoje a cidade possui uma frota de 87.890, ou seja, 58.442 veículos a mais,  em 12 anos. E somente no mês de janeiro último, mais 2 mil  carros tomaram as ruas, segundo dados da EPPTC ( Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo).

Blog do Banana

Deixe seu comentário