Terrenos do antigo aeroporto: Questão pode parar na justiça por improbidade administrativa, diz Secretário

De acordo com o Secretário da Ordem Pública, Marcelo Cavalcanti, que está responsável por resolver a questão com o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, a doação dos terrenos que pertenciam a União localizados no antigo aeroporto de Petrolina pode trazer prejuízos a quem fez as Leis de doação. ” O município poderia usar a área, e não dispor. Do modo como foi feito, parecia que ele era o dono”. Segundo o gestor, as doações podem ser configuradas como atos de improbidade administrativa.

Marcelo Cavalcanti informou que vai preparar um relatório sobre todo o processo de doação desses terrenos e encaminhar ao Ministério Público Federal.

As entidades beneficiadas com a doação de terrenos feita na gestão de ex – prefeitos como Fernando Bezerra e Odacy Amorin serão chamadas à apresentar documentos na prefeitura.

O secretário da Ordem Pública, Marcello Cavalcanti, encaminhou ofício a Superintendência do Patrimônio da União em Pernambuco afirmando que as solicitações feitas pelo órgão já estão sendo atendidas. Cavalcanti espera contar com o bom senso por parte da União para resolver a questão dos terrenos do antigo aeroporto de Petrolina. Boa parte das doações foram para instituições coletivas como igrejas, associações, além de órgãos públicos como a Compesa. “Teremos que observar caso a caso. Mas podemos propor ao Ministério que as entidades beneficiadas possam apoiar, por exemplo, a manutenção de projetos sociais, para continuar usufruindo das áreas”, comentou Cavalcanti.

Veja alguns prédios construidos nos terrenos da união.

Blog do Banana

Deixe seu comentário