Certificados de cursos profissionalizantes do Programa Vida Nova serão entregues neste sábado

Promovendo a inclusão social de adolescentes e jovens na faixa etária de 16 a 29 anos em situação de vulnerabilidade e risco social, a Prefeitura Municipal de Petrolina através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest) concederá no próximo sábado (05) a 166 jovens do Programa Vida Nova – Centro da Juventude os certificados de conclusão dos cursos profissionalizantes realizados em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). O evento ocorrerá a partir das 19h na sede do Senai, localizado na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, nº 267, no bairro Areia Branca, em Petrolina/PE.

“É com muita alegria que notamos maior interesse do jovem na busca da sua qualificação profissional e através de parcerias, como acontece entre a Prefeitura Municipal de Petrolina, Senai e o Governo do Estado, podemos por meio das coordenadas do nosso prefeito Julio Lossio, garantir-lhes a inserção no mercado de trabalho; oferecendo cursos profissionalizantes, refletindo de maneira direta, para o bem da comunidade”, destacou a secretária de Desenvolvimento Social e Trabalho, Adinair Viana.

A coordenadora geral do Programa Vida Nova – Centro da Juventude em Petrolina, Socorro Moura, comentou sobre a importância da entrega desses certificados. “A entrega desses certificados atinge o principal objetivo do programa que é a qualificação profissional de jovens, enfatizando a sua valorização para a inserção no mercado de trabalho”, declarou.

O Centro da Juventude faz parte do Programa Vida Nova do Governo do Estado conveniado com a Prefeitura Municipal de Petrolina. Trata-se de um programa preventivo de Proteção Social Especial de Média complexidade para cidadãos e famílias que vivem em situação de negligência, abandono, maus tratos, violações físicas/psíquicas, discriminações sociais e transgressões dos direitos humanos e sociais.

O programa atende 200 jovens e atua em 40 bairros do município de Petrolina. Os jovens que recebem ainda auxílio mensal de R$ 100 e atendimento psicossocial, participam de atividade como qualificação social, que oferece sete oficinas culturais, e qualificação profissional.

Os 166 beneficiados com o programa recebem qualificações nos cursos de Assistente Administrativo, Mecânica de Auto, Mecânica de Moto, Panificação e Refrigeração.

 Texto: Emaísa Lima (Estagiária de Comunicação)

Blog do Banana

 

Deixe seu comentário