Operação Fumaça Fria é deflagrada pela Polícia Civil em Petrolina

A polícia civil em Petrolina, deflagrou nas primeiras horas da manhã de hoje (24), uma operação para o cumprimento de seis mandados de prisão de pessoas envolvidas com assalto a postos de combustíveis, casas comerciais e roubo a transeuntes. A Operação foi batizada de Fumaça Fria devido aos crimes estarem relacionados a assaltos a uma empresa de cigarros onde a quadrilha levou mais de R$ 68 mil e de uma casa de frios onde foram subtraídos mais de R$ 370mil em dinheiro e cheques nos primeiros meses do ano. Foram presos Anderson Clayton Maranhão de 30 anos, Cristiano dos Santos de 27, conhecido por Cori, Lindemberg Ferreira Alves de 32, Jonivan Ribeiro dos Santos, o Coió de 33anos, Damião da Conceição Lima de 22, conhecido por Gordo e Washington Diniz da Silva de 22.

Cerca de 20 policiais participaram da operação, de acordo com a delegada titular da delegacia da 214ª Circunscrição em Petrolina, Francisca Polliana Nery que coordenou a ação, foram necessários dois meses de investigações que apontaram os envolvidos que vão responder por roubo qualificado cumulado com formação de quadrilha. “Todos os mandados de prisão foram cumpridos e nós prendemos 100% dos nossos alvos sem disparar um único tiro”, destacou a delegada que revelou ainda que mais de 15 postos de combustíveis foram vítimas de assaltos ligados à quadrilha e que mais de 20 outros inqueritos estão relacionados ao grupo que tinham ainda a participação de dois menores de 17 anos que já foram apreendidos e estão cumprindo internação provisória na Fundação Case.

Os mandados de prisão expedidos pela 1ª Vara Criminal de Petrolina, foram cumpridos em diversos bairros da zona leste da cidade, dentre eles, Areia Branca, Vila Eduardo, Henrique Leite e Vila Mocó. Todos os acusados foram presos e recolhidos a Penitenciária Doutor Edvaldo Gomes em Petrolina onde permanecem a disposição da justiça.

Fonte: Diário da Região

Blog do Banana

Deixe seu comentário