Médicos cubanos em Petrolina ampliam a cobertura em Saúde da Família no município e levam mais saúde para as pessoas

imageHá pouco mais de um mês de atendimento nas comunidades do interior de Petrolina, os médicos intercambistas cubanos e a comunidade em geral já comemoram as atividades dos novos profissionais nas unidades de saúde na zona rural do município.

imageNo início do mês de novembro as comunidades do N-7 e do N-10 receberam, cada uma, um profissional médico para o programa Saúde da Família. Em Rajada e Izacolândia, os distritos receberam dois novos profissionais para cada unidade.

A profissional médica Yarima Del Rio, fala da sua primeira experiência nas comunidades em Petrolina. “No distrito de Rajada as pessoas são atenciosas e cautelosas, contamos com o apoio da comunidade e atendemos a cada pessoa com total atenção, ouvimos, compreendemos e damos os encaminhamentos necessários. Já temos uma grande proposta de saúde educativa e comunitária para quando inaugurarmos a unidade AME, aqui de Rajada”, explica.

A secretária de Saúde de Petrolina, Lucia Giesta, mostra os avanços com o programa “Mais médicos”, para as pessoas. “Temos uma cobertura em Saúde da Família que é a maior dos municípios de médio porte de Pernambuco, os novos médicos ampliaram ainda mais essa cobertura, a nossa meta é trazer ainda mais profissionais para cuidar da saúde de cada família de Petrolina”, declara.

O aposentado Juvêncio Jose Rodrigues explica como vem sendo o acompanhamento dos médicos no interior de Rajada. “As duas médicas são atenciosas e bastante cuidadosas com todos, temos a certeza de que estamos sendo tratados com dignidade”, pontua.

No N-7 e N-10, as comunidades se mostraram satisfeitas com a atenção recebida pelos profissionais intercambistas de Cuba. Lucimar Barbosa conta como ficou o atendimento médico na unidade. “Desde que recebemos os médicos ,aqui no N-10, o atendimento ficou ainda mais rápido, tenho a atenção que preciso, e toda a minha família conta com cuidados especiais do médico”, enfatiza a aposentada.

“Em nenhum outro lugar do mundo fomos tão bem recebidos quanto fomos por essas equipes de saúde. No N-07, as pessoas cumprem todas as indicações médicas, o mais importante é que conseguimos realizar um serviço de excelência com todas as pessoas”, explica o médico intercambista, Alain Galindo.

“Estamos nesta unidade buscando uma área maior para acomadar a ESF que foi ampliada”, completa a secretária Lucia.

Em Izacolândia a realidade é ainda melhor, os dois médicos intercambistas somaram esforços às equipes de saúde de família da AME- Isaac Coordeiro.

Os novos profissionais dinamizaram as ações da unidade que agora conta com mais médicos para atender a comunidade, como conta a profissional cubana, Amarililys Matos. “Estamos promovendo ações que melhoram a saúde das pessoas de Izacolândia, a troca de experiências com os profissionais da unidade são fundamentais param que acolhamos cada um com a preocupação e o compromisso com a saúde dessas pessoas” conclui.

Ascom PMP

Blog do Banana

Deixe seu comentário